Você sabe o que é Sorgo?

O sorgo está entre os cerais mais produzidos no mundo, é considerado um alimento altamente funcional pois é fonte de nutrientes e de compostos bioativos, sendo utilizado há anos em mais de 30 países e finalmente começa a ser divulgado aos poucos no Brasil.

O sucesso do sorgo em outros países se deve as propriedades benéficas que pode trazer para o organismo, entre as quais redução no colesterol e em diabetes tipo 2, além disso, graças as antocianinas, taninos e outras substâncias presentes no grão, podem prevenir o aparecimento de células cancerígenas como no cólon e no esôfago, e pode ser consumido inclusive pelas pessoas celíacas com intolerância as farinhas em geral.

Em matéria de valor nutricional o sorgo é rico em propriedades antioxidantes, e seu valor nutricional pode ser comparado ao milho devido possuir as mesmas quantidades de proteína, gordura e carboidratos existentes no grão, e os bioativos do sorgo estão presentes nos grãos, nas folhas, em toda a planta, por isso, é 100% aproveitado.

As antocianinas agem como protetoras na produção de enzimas na hora de metabolizar as células cancerígenas, além de reduzir o açúcar no sangue, reduzir os níveis do colesterol ruim conhecido como LDL.

Já no farelo do sorgo negro com tanino estão presentes altos níveis de antioxidantes não encontrados em nenhum outro cereal, e nem mesmo em frutas como morango, ameixa ou no mirtilo considerado altamente rico em antioxidantes.

A redução dos níveis de açúcar no sangue são obtidos com a ingestão do sorgo, graças ao tanino presente na farinha que produz uma digestão mais lenta, fornece um volume maior de fibras e assim a saciedade é prolongada se comparado a outros cereais.

Sorgo como ração para os animais

Muita gente deve ter ouvido falar do sorgo como um alimento muito utilizado como ração animal, e realmente é isso mesmo.

Vários criadores de animais utilizam a mistura para alimentar aves e suínos, a diferença é que não pode haver traços de tanino nesse alimento, pois, esta substância pode afetar as proteínas, e com o amido o resultado seria uma digestão mais difícil, além de interferir no aumento de peso para os animais.

Ao contrário do efeito que teria nas pessoas com a ingestão do sorgo com taninos, que seriam beneficiadas com a redução da digestibilidade do amido e proteínas, dessa maneira poderia prevenir o aparecimento de doenças como o câncer, diabetes, inclusive a obesidade!

A Embrapa Agroindústria de Alimentos (RJ) está lançando no mercado o cereal matinal integral de sorgo com os grãos na cor avermelhada, rico em fibras, antioxidantes, com menos sódio e açúcar, além de conter pré-bióticos que auxiliam no crescimento de bactérias benéficas no trato intestinal.

Mais dicas e infos você encontra no http://sorgo.net.br

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *